PÁGINAS  
   ENQUETE  
Qual a sua preocupação com o meio ambiente?
Utiliza as lixeiras de coleta seletiva?
Tem o hábito de reciclar lixo diariamente?
Economiza energia?
Consome marcas ecologicamente corretas?


   PUBLICIDADE  
   ESTATISTICAS  
Total de Visitas: 6828792
 Online Agora: 15
Regional
Postada por:  Redação (Carmen Lúcia Marini Vieira Júlio),  em  09/10/2020 às 21h08
Compartilhar no Orkut Comentários ( 0 ) Comentar Link: Fonte
Fraudes de energia quase que dobram durante período de pandemia
Além de crime, ligações clandestinas de energia sobrecarregam a rede e podem causar graves acidentes

09/10/2020 às 21h08

O combate às fraudes e furtos de energia é uma das prioridades da Energisa para manter a qualidade no fornecimento de energia. Por isso, a empresa está realizando mutirões para coibir as irregularidades e conscientizar a população. Inspeções também são realizadas a partir de análises de perfil de consumo e denúncias. Este ano, durante o período de pandemia, de março a julho, as fraudes de energia quase que dobraram, se comparado ao mesmo período do ano passado.  

 

Em 2019, mais de 422 irregularidades foram descobertas na rede elétrica da área de concessão da Energisa Minas Gerais. O total de energia furtada foi de 963 mil kWh (quilowatt-hora), um prejuízo de mais de R$ 940 mil, o que daria para abastecer, por um mês, cerca de 8.755 famílias com consumo médio de 110 kWh. Quem realiza ligação clandestina de energia, além de cometer crime previsto no Código Penal Brasileiro, coloca em risco a própria vida e a de vizinhos.

 

Realizar ligação clandestina é uma prática em que todo mundo sai perdendo. O famoso ‘gato’, além de crime, gera prejuízos a toda a sociedade. Os furtos oneram a população e prejudicam o fornecimento, a arrecadação de impostos e a receita da empresa, comprometendo os investimentos na melhoria dos serviços. Empregamos tecnologia de ponta e ações coordenadas no combate ao furto. Precisamos combater o furto e a população tem um papel fundamental nisso, denunciando esses crimes”, afirma o gerente de Serviços Comerciais da Energisa, Luciano Lima. Somente este ano, a Energisa está aplicando mais de R$ 2, 5 milhões nessa frente.

 

Lima acrescenta ainda que a empresa está aberta a negociações para parcelamento de contas em atraso. “Estamos sensíveis a este momento e temos feito todo o possível para que os clientes mantenham a vida financeira equilibrada e não deixem as contas acumularem. Por isso, estamos parcelando de acordo com o perfil de cada cliente e pelo cartão de crédito. Além de ser uma excelente oportunidade, a negociação exclui o nome do devedor da lista dos órgãos de proteção ao crédito”.

    

Crime 

  

O furto de energia é o ato de desviar ou puxar energia da rede elétrica, sem o conhecimento e a autorização da concessionária responsável e sem qualquer tipo de registro da energia consumida. Esses são os famosos ‘gatos’ ou ligações clandestinas. Já a fraude é caracterizada por um ato intencional de manipulação nos equipamentos de medição da concessionária, com o objetivo de reduzir ou ‘zerar’ o faturamento efetivo de uma unidade de consumo. Ambos são crimes previstos no Código Penal Brasileiro: a fraude pode ser caracterizada como estelionato, e está prevista no artigo 171; o furto está previsto no artigo 155, § 3º. A pena para esses crimes varia de um a quatro anos de prisão. Além disso, são cobrados os valores retroativos referentes ao período fraudado, acrescidos de multa. Quando a fraude ou o furto são descobertos, o responsável também pode ter o seu fornecimento de energia suspenso. 

 

A identidade de quem denuncia é mantida em total anonimato. A denúncia pode ser feita pelo Call Center  0800 032 0196 (ligação gratuita) ou pelo site www.energisa.com.br em Serviços Online > Mais Serviços > Denuncie Furto de Energia. (Assessoria de Comunicação)


 






Avaliação (Vote clicando) - 0 voto(s)
 (0.00)
12345678910

Deixar Comentário

[ 0 ] comentário(s)

Nenhum Comentário ou aguardando aprovação



 
.:: Mais Notícias sobre Regional
29/04/2021
Microrregiões da Zona da Mata avançam para a Onda Amarela do 'Minas Consciente'
28/04/2021
RCV Ranking de Corrida Virtual
16/04/2021
Minas Consciente: macrorregião Sudeste avança para a Onda Vermelha e Centro-Sul ...
05/04/2021
Covid-19: Zona da Mata e Vertentes recebem mais de 108 mil doses das vacinas na ...
01/04/2021
O município de Ubá criou mais 27 leitos clínicos para atender pacientes com a Co...
27/03/2021
Aedes aegypti: Estado divulga acumulado de casos de novembro a março; veja situa...
17/03/2021
Covid-19: Prefeitura de Juiz de Fora diz que 30 pacientes do município já foram ...
10/03/2021
Macrorregiões Oeste, Centro-Sul e Sudeste regridem para a onda vermelha do Minas...
05/03/2021
Em nova remessa, cidades da Zona da Mata e Vertentes recebem mais de 40 mil dose...
05/03/2021
Nova remessa de vacinas contra o coronavírus chega no Aeroporto da Serrinha
03/03/2021
Vem aí a Segunda Edição do Festival Cataguajazz
12/02/2021
Minas Gerais terá programação temática on-line neste Carnaval
10/02/2021
Covid-19: terceiro lote de vacinas chega nas regionais de Saúde da Zona da Mata ...
28/01/2021
Municípios mineiros receberão 356 mil vacinas até sexta-feira (29/01)
28/01/2021
Ações do Governo do Estado no enfrentamento do Coronavírus
25/01/2021
Estado, MP e Defensoria encerram audiências de negociação com a Vale para repara...
19/01/2021
Minas Gerais distribui vacina contra a Covid em tempo recorde
19/01/2021
Doses de vacina contra Covid-19 chegam a Juiz de Fora
12/01/2021
Após deslizamento, trânsito na MG-353 é parcialmente liberado
08/01/2021
Fortes chuvas e tempo abafado marcam fim de semana na Zona da Mata e Vertentes
   PUBLICIDADE  
 
 
 
 
   
   
® O Imparcial
Rua Quirico Marini, 55 - Rio Pomba - Minas Gerais
Telefone: 32-3571-1822 / E-mail: jornal.oimparcial@uol.com.br