PÁGINAS  
   ENQUETE  
Qual a sua preocupação com o meio ambiente?
Utiliza as lixeiras de coleta seletiva?
Tem o hábito de reciclar lixo diariamente?
Economiza energia?
Consome marcas ecologicamente corretas?


   PUBLICIDADE  
   ESTATISTICAS  
Total de Visitas: 6329671
 Online Agora: 9
Nacionais
Postada por:  Redação (Carmen Lúcia Marini Vieira Júlio),  em  19/02/2021 às 23h12
Compartilhar no Orkut Comentários ( 0 ) Comentar Link: Fonte
A FORÇA DO PETRÓLEO

19/02/2021 às 23h12

Prof. Cícero Carlos Maia

Pouca coisa no mundo é tão complexa quanto às economias tanto nacional como internacional.

Temos uma sociedade universal ainda muito dependente dos combustíveis fósseis como petróleo, carvão e gás natural, que são os mais consumidos na coletividade e que causam um mal muito grande ao meio ambiente, natureza e, em especial, no reino animal da natureza.

Já não há mais razão para nos servirmos desses insumos, dado o número de produtos alternativos disponíveis na natureza como o lítio, considerado o petróleo do futuro, a energia solar e a eólica que existem com abundância eterna e que não nos causam mal algum.

Instituições como a Organização dos Países Exportadores de Petróleo-(OPEP), mantém a sociedade, literalmente, aprisionada nas suas determinações titânicas, tornando a vida em sociedade um verdadeiro inferno, uma vez que, especialmente, no Brasil, dependemos em muito de óleo diesel para transportar o desenvolvimento e o progresso do país.

Os custos da produção do petróleo determinam o preço de todos os insumos da cadeia produtiva internacional. Como estamos atrelados a essa situação, nesse mercado, temos que respeitar as variações das cotações do mesmo em nível do combinado com todos os participantes desse conglomerado que seguem os seus propósitos, sem olhar para os lados!

Ter salário fixo, com preços variantes, como os da energia vinda dos insumos fósseis, é desestruturante para qualquer sociedade, por mais petróleo que ela disponha no seu subsolo.

No Brasil, os preços dos combustíveis não param de ser reajustados, independente das consequências intensas que a pandemia tem vindo a causar em tudo e que tem intervenção em todos os ramos da sociedade.

Hoje, as economias do mundo precisam, não só do ouro negro, como também é conhecido, como também precisamos de uma vacina que garanta vitalidade e saúde das pessoas, para que elas possam dar conta de suas ações laborativas.

Os responsáveis pela produção de petróleo sabem que a pandemia oferecida à sociedade, empobreceu, fragilizou e depauperou a todos em todos os cantos do mundo.

Continuar com essa pressão sobre o preço dos combustíveis, é mais uma forma de enfraquecer as pessoas que estão sendo levadas ao desemprego, consequentemente à desestabilização social de forma desesperadora e de difícil reversão.

Para onde estamos a caminhar? Esse é o mundo que queremos? Chamamos a isso de viver?






Avaliação (Vote clicando) - 0 voto(s)
 (0.00)
12345678910

Deixar Comentário

[ 0 ] comentário(s)

Nenhum Comentário ou aguardando aprovação



 
.:: Mais Notícias sobre Nacionais
22/02/2021
Concerto pelos 120 anos do Instituto Butantan será transmitido ao vivo pela Inte...
19/02/2021
A FORÇA DO PETRÓLEO
10/02/2021
A vacina COVID-19 e o fim da pandemia
09/02/2021
Com ou sem feriado, Carnaval é motivo de alerta para infectologistas nos cuidado...
05/02/2021
Governo lança Carnê-Leão Web para facilitar a vida do contribuinte
27/01/2021
Criminalização por uso ilegal da vacina
25/01/2021
Insegurança alimentar atinge 12% das famílias do Nordeste
20/01/2021
Papa Francisco em Oração para o estado de Manaus
18/01/2021
Anvisa aprova uso emergencial das vacinas CoronaVac e AstraZeneca no Brasil
18/01/2021
Covid-19: vacinação trará normalidade imediata à rotina das pessoas?
08/01/2021
Janeiro Branco: Mês alerta para saúde mental no país
29/12/2020
2020 foi o pior ano para brasileiros desde 2012, mostra levantamento da Ipsos
29/12/2020
Covid-19 deve baixar expectativa de vida no País em até 2 anos
18/12/2020
Sem contratos, Pazuello prevê 24,7 mi de vacina e fala em vanguarda
11/12/2020
Brasil é campeão mundial da confusão no combate à Covid-19
04/12/2020
Eca 30 anos: o que mudou nas nossas vidas?
20/11/2020
21/11 - Dia Nacional de Combate à Dengue
19/11/2020
Governo descarta Auxílio Emergencial em 2021 e aposta em investimento de R$ 5,73...
18/11/2020
Não votou? Saiba como justificar a ausência nas urnas nas Eleições 2020
16/11/2020
Pandemia não acabou!
   PUBLICIDADE  
 
 
 
 
   
   
® O Imparcial
Rua Quirico Marini, 55 - Rio Pomba - Minas Gerais
Telefone: 32-3571-1822 / E-mail: jornal.oimparcial@uol.com.br