PÁGINAS  
   ENQUETE  
Qual a sua preocupação com o meio ambiente?
Utiliza as lixeiras de coleta seletiva?
Tem o hábito de reciclar lixo diariamente?
Economiza energia?
Consome marcas ecologicamente corretas?


   TEMPO AGORA  
   PUBLICIDADE  
   ESTATISTICAS  
Total de Visitas: 4433217
 Online Agora: 9
Crônicas
Postada por:  Redação (Carmen Lúcia Marini Vieira Júlio),  em  12/09/2019 às 20h17
Compartilhar no Orkut Comentários ( 0 ) Comentar Link: Fonte
11 de setembro atinge a maioridade: Qual o legado do atentado?

12/09/2019 às 20h17

 Nessa quarta-feira, 11 de setembro, completam-se 18 anos do dia que mudou os Estados Unidos e o mundo para sempre. Entre 8h46 e 10h28, três aviões, em poder de terroristas do grupo Al-Qaeda, e a mando de Osama Bin Laden, atacaram dois pontos fundamentais da economia e segurança americana: o World Trade Center e o Pentágono. Um quarto ataque, que ia em direção à Casa Branca ou ao Capitólio, foi evitado pelos passageiros do voo, mas ao custo de suas vidas.

No total, foram 2.996 vítimas, incluindo todos que estavam a bordo dos aviões, sendo 227 civis e 19 terroristas. Mas essa conta ainda não terminou, visto que, a partir desse terrível acontecimento, novas invasões e guerras no Oriente Médio se iniciaram, sendo que alguns conflitos continuam a perdurar na região – inclusive, após a morte de Osama Bin Laden, em maio de 2011. Após isso, parecia que uma espécie de paz poderia nascer, o que não se confirmou, já que o Estado Islâmico conseguiu ganhar espaço para perpetrar sua ideologia na região e praticar novos atentados nos EUA e na Europa na década atual.

Para o professor da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Arnaldo Francisco Cardoso, "o balanço que se pode fazer não é nem um pouco positivo, pois o que se vê hoje, dezoito anos depois, é o aumento dos radicalismos na opinião pública, os discursos beligerantes de governantes, a fragilização de consensos e as ameaças às liberdades individuais". Todos esses comportamentos atingem conceitos fundamentais para a democracia e assustam para o futuro. "O mundo carece de uma nova organização", afirma.

Resta apenas descobrir como seria possível tornar essa nova ordem um pensamento coletivo e que agregue, de forma harmoniosa, as crenças e ideologias pessoais. Afinal, esse acaba por ser o principal legado da data de 11 de setembro: mesmo que seja praticamente impossível replicar um atentado nesse nível nos dias atuais, o fortalecimento do medo acaba por ser a melhor arma das pessoas e governantes críticos da globalização.

*Universidade Presbiteriana Mackenzie. Organização internacional de pesquisa educacional, a universidade avalia o desempenho de instituições de ensino médio, superior e pós-graduação. 







Avaliação (Vote clicando) - 0 voto(s)
 (0.00)
12345678910

Deixar Comentário

[ 0 ] comentário(s)

Nenhum Comentário ou aguardando aprovação



 
.:: Mais Notícias sobre Crônicas
08/10/2019
Envelhecimento: o tempo passa para todos
04/10/2019
AS ÁRVORES NÃO TEM ASAS
12/09/2019
11 de setembro atinge a maioridade: Qual o legado do atentado?
18/01/2019
H2O
14/05/2014
Quando me tornei mãe?
27/08/2013
A espionagem nos tempos de internet
27/08/2013
O Grande Desafio
27/08/2013
O mundo precisa de “Pai”
25/07/2013
Accacio, esse foi o Homem
24/07/2013
Dr. Accacio, o Desenvolvimentista
08/07/2013
Evitar tragédias é dever de todos
20/06/2013
HUMILDADE, EQUILÍBRIO E HONRADEZ
28/05/2013
OS ROYALTIES DA DISCÓRDIA
08/03/2013
FÓRMULA MÁGICA PARA SER MULHER E SER FELIZ
08/03/2013
COMO SER "EU"
   PUBLICIDADE  
 
 
 
 
   
   
® O Imparcial
Rua Quirico Marini, 55 - Rio Pomba - Minas Gerais
Telefone: 32-3571-1822 / E-mail: jornal.oimparcial@uol.com.br