PÁGINAS  
   ENQUETE  
Qual a sua preocupação com o meio ambiente?
Utiliza as lixeiras de coleta seletiva?
Tem o hábito de reciclar lixo diariamente?
Economiza energia?
Consome marcas ecologicamente corretas?


   TEMPO AGORA  
   PUBLICIDADE  
   ESTATISTICAS  
Total de Visitas: 3438229
 Online Agora: 13
Crônicas
Postada por:  Redação,  em  24/07/2013 às 08h36
Compartilhar no Orkut Comentários ( 0 ) Comentar Link: Fonte
Dr. Accacio, o Desenvolvimentista
Accacio Ferreira dos Santos Júnior. Descrever seu notável currículum técnico e profissional é desnecessário. Outros o farão. Prefiro descrevê-lo como amigo e companheiro. Quando ainda era o presidente da CDI-MG foi ele que convenceu o então prefeito de Rio Pomba Antônio Fernando Fernandes Caiafa a comparecer em Ubá em memorável reunião de prefeitos e empresários regionais. Dessa memorável reunião, saiu o protocolo de intenções entre a prefeitura de Rio Pomba e a CDI-MG para a idealização e a construção do único Distrito Industrial de Minas Gerais totalmente construído com recursos do governo do Estado


Accacio Ferreira dos Santos Júnior. Descrever seu notável currículum técnico e profissional é desnecessário. Outros o farão. Prefiro descrevê-lo como amigo e companheiro. Quando ainda era o presidente da CDI-MG foi ele que convenceu o então prefeito de Rio Pomba Antônio Fernando Fernandes Caiafa a comparecer em Ubá em memorável reunião de prefeitos e empresários regionais.  Dessa memorável reunião, saiu o protocolo de intenções entre a prefeitura de Rio Pomba e a CDI-MG para a idealização e a construção do único Distrito Industrial de Minas Gerais totalmente construído com recursos do governo do Estado.

Assim foi feito. Não faltaram críticas e controvérsias. Em um almoço no restaurante na saída para Barbacena almoçavam eu, meu pai, o então candidato a prefeito Giovani Baía em companhia de seu candidato a vice-prefeito de Rio Pomba. Por brincadeira, o candidato a vice-prefeito levantou-se da cadeira e em bom som me disse: “se eu e o Giovani formos eleitos, vamos embargar e interromper as obras do Distrito Industrial de Rio Pomba”. Felizmente, naqueles tempos, o ainda prefeito Antônio Fernando voltou à prefeitura e o DI de Rio Pomba foi terminado e inaugurado. É claro que se ele e o Giovani fossem eleitos naquela ocasião não conseguiriam interromper as obras do DI.

O Giovani, tempos depois, quando foi eleito prefeito e tomou posse, pouco ou nada fez para trazer para Rio Pomba indústrias novas que pudessem se localizar no novo Distrito Industrial para criar impostos e novos empregos como eram os sonhos meus e o do Dr. Accacio. Rio Pomba ficou, nesse aspecto, mais uma vez, praticamente estagnada. Accacio assistia a tudo sem nada poder fazer para mudar a situação e beneficiar sua querida cidade de Rio Pomba. Paulo Haddad, ex-secretário do Planejamento mineiro e ex-Ministro do Planejamento de Itamar Franco no livro “Para o Brasil voltar a crescer” afirmou que, “nada adiantam incentivos fiscais se uma comunidade não estiver motivada e disposta a lutar para o desenvolvimento”. O desenvolvimento tem que partir de dentro para fora e não o contrário. Accacio também ajudou o Aeroporto Internacional Itamar Franco quando era assessor do sub-Secretário de Estado Para Assuntos Institucionais e cuidava de aeroportos, estradas e outras infraestruturas. Minas Gerais estava custando a cumprir seu compromisso de retirada de um morro que impedia o funcionamento total daquele que será a mais importante obra já feita na Zona da Mata nos últimos tempos, e com ajuda de Accacio as obras foram reiniciadas.

Eu, que na minha mocidade brinquei nas águas do Rio Formoso em Tabuleiro, enquanto meu pai construía a ponte que ainda existe no trevo de entrada da cidade e também enquanto meu pai construía como engenheiro o Grupo Escolar Menelick de Carvalho, costumo dizer que nada acontece se a sociedade não se manifestar. Tabuleiro é hoje, com pequenas mudanças, a mesma cidade que conheci 60 anos atrás dos anos 50. Accacio Ferreira morreu sem ver sua Tabuleiro se desenvolver e crescer como queria.  Sua candidatura a prefeito apenas queria, com sua competência e prestígio, ajudar Tabuleiro a se desenvolver. Vaidades pessoais ele não as tinha. Coisas da vida. Que Deus proteja e dê um merecido descanso eterno a essa pessoa que sempre amou essas cidades sem ter nascido ali em Tabuleiro ou em Rio Pomba. 

                           José Eloy dos Santos Cardoso


 






Avaliação (Vote clicando) - 2 voto(s)
 (10.00)
12345678910

Deixar Comentário

[ 0 ] comentário(s)

Nenhum Comentário ou aguardando aprovação



 
.:: Mais Notícias sobre Crônicas
29/06/2015
Dasimparciaisinsite.blogspot.com.br
14/05/2014
Quando me tornei mãe?
27/08/2013
A espionagem nos tempos de internet
27/08/2013
O Grande Desafio
27/08/2013
O mundo precisa de “Pai”
25/07/2013
Accacio, esse foi o Homem
24/07/2013
Dr. Accacio, o Desenvolvimentista
08/07/2013
Evitar tragédias é dever de todos
20/06/2013
HUMILDADE, EQUILÍBRIO E HONRADEZ
28/05/2013
OS ROYALTIES DA DISCÓRDIA
08/03/2013
FÓRMULA MÁGICA PARA SER MULHER E SER FELIZ
08/03/2013
COMO SER "EU"
   COLUNISTAS  
Celinho Gaudereto
Esportes
Valéria Áureo
Crônicas
Naico
Naico na Sociedade
Carmen Lúcia
Carnet Social
Marcos Morita
Economia
Rodrigo Oliveira
Economia
Geraldo Santão
Crônicas de Santão
Luiz Flávio Gomes
Crônicas
Redação
Editorial
   PUBLICIDADE  
 
 
 
 
   
   
® O Imparcial
Rua Quirico Marini, 55 - Rio Pomba - Minas Gerais
Telefone: 32-3571-1822 / E-mail: jornal.oimparcial@uol.com.br